Sala de Imprensa Sala de Imprensa Notícias Abertas inscrições de bolsas para estudo na Austrália
Cooperação internacional

Abertas inscrições de bolsas para estudo na Austrália

Publicado: Terça, 30 Outubro 2018 15:13 , Última Atualização: Quinta, 01 Novembro 2018 18:05

Duas oportunidades para brasileiros estudarem na Austrália estão com inscrições abertas: os programas Endeavour e ATM-Latam.

No Programa "Endeavour" de Liderança, o governo australiano patrocina pesquisadores ou estudantes de vários países para realizarem investigações científicas ou formação profissional no maior país da Oceania. As inscrições podem ser feitas até às 23h59 (horário de Canberra) do dia 15 de novembro na página do programa.

Existem quatro modalidades de financiamento no Endeavour, duas científicas e duas profissionais. As científicas são para pós-graduação mestrado ou doutorado pleno (bolsa de até AUD 24,5 mil por ano) e mestrado ou doutorado sanduíche (até AUD 30 mil). Também é possível solicitar custeio de formação técnica ou profissionalizante (até AUD 6,5 mil por semestre para cursos vocacionais de até 2,5 anos); e formação executiva (bolsas de AUD 18,5 mil para cursos executivos de até 4 meses).

Brasil: prioridade
O Brasil é um os parceiros prioritários para o programa Endeavour. Dentre outros, a lista inclui países como Alemanha, Argentina, Canadá, Índia, Rússia e Estados Unidos. Uma das cinco categorias de apoio da edição 2019 do Endeavour está voltada especificamente para a América Latina.

Segundo o governo australiano, a inclusão do Brasil na lista de prioridades reflete o alto nível da produção científica do Brasil. A medida é também um gesto de reconhecimento pela inclusão da Austrália na lista de prioridades brasileiras no Programa Institucional de Internacionalização (PrInt), iniciativa da CAPES que promove a internacionalização das universidades brasileiras.
Nas últimas edições do Endeavour, o Brasil vem crescendo em participação: foram cinco bolsistas apoiados em 2015; trinta, em 2016, vinte, em 2017. Em 2018, 31 pesquisadores brasileiros receberam a bolsa. Em toda a história do programa, 123 pesquisadores brasileiros obtiveram bolsas de estudo.

Rede tecnológica
Outra chance de estudar na Austrália é o ATN-LATAM Research Scholarship Scheme, que financia ao menos dez bolsas de doutorado pleno para estudantes latino-americanos em uma das cinco integrantes da rede australiana de universidades tecnológicas – Curtin University, University of South Australia, Queensland University of Technology, University of Technology Sydney e RMIT University. Inscrições devem ser feitas até 31 de janeiro de 2019. Informações sobre inscrições no programa estão disponíveis na página da Rede ATN.

A bolsa ATN cobre taxas escolares para pesquisa por até três anos (com possibilidade de extensão por mais meio ano), auxílio de AUD 30 mil/ano, auxílio para instalação no país e seguro de saúde. Esta é a segunda edição em que ATN abre programa de bolsas de estudo exclusivas para a América Latina. Em 2017, o programa patrocinou 17 pesquisadores.

(Brasília – Redação CCS/CAPES)
A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura CCS/CAPES

Compartilhe o que você leu