Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Sala de Imprensa > Notícias > Mestrado no interior de SP desenvolve cartilha para escolas da educação básica
Início do conteúdo da página
Direitos Humanos

Mestrado no interior de SP desenvolve cartilha para escolas da educação básica

Publicado: Quarta, 14 Fevereiro 2018 17:03 | Última Atualização: Quarta, 14 Fevereiro 2018 17:07

O Programa de Mestrado em Direito do Centro Universitário Salesiano de São Paulo (Unisal), com sede na cidade de Lorena, atua desde 2013 junto à educação básica por meio do desenvolvimento de cartilhas de direitos humanos, com enfoque em questões ambientais, violência na escola (bullying), além de trazer de forma objetiva e ilustrativa os direitos humanos dos idosos, crianças, adolescentes e pessoas com deficiência. As publicações são apresentadas e distribuídas nas escolas públicas municipais e estaduais, em escolas particulares da região e em eventos promovidos pelo programa de mestrado.

14022018 materia cartilha dh Foto 5
Cartilha Direitos Humanos e Bullying é utilizada em evento com os estudantes da Escola Municipal Adelina Alves Ferraz (Foto: Unisal)

A última edição da cartilha, lançada em novembro de 2017, foi sobre "Direitos Humanos e Juventude". A iniciativa conta com a parceria da Prefeitura de Lorena, além do apoio da iniciativa privada para impressão dos documentos. “Geralmente são impressos de 2.000 a 3.000 exemplares de cada cartilha. O objetivo é a busca da inserção social e a integração do Programa de Mestrado em Direito com a sociedade e com a comunidade estudantil e educativa da educação básica e do ensino fundamental”, explica a coordenadora do PPG em Direito do Unisal, Maria Aparecida Alkimim.

14022018 materia cartilha dh Foto 4
As cartilhas já integram o processo de aprendizados nas escolas municipais e estaduais da cidade de Lorena (Foto: Unisal)

Pós-graduação e educação básica
A professora destaca a importância da integração entre a pós-graduação e a educação básica. “Trata-se de algo elementar para promoção, defesa, exercício e real compreensão dos direitos humanos, além do despertar da importância de conhece-los e exercê-los de forma real e efetiva e não distorcida, tornando a pesquisa produzida no âmbito da pós-graduação algo concreto para corroborar na formação da juventude, revelando a participação solidária, cidadã e responsável da educação superior em prol da educação básica”, define Alkimim.

As cartilhas possuem conteúdo objetivo, didático, ilustrativo, além do aspecto lúdico, com desenhos e ilustrações criados pelos estudantes (crianças e adolescentes). “Nesse sentido, o Programa de Mestrado em Direito do Unisal, que tem como área de Concentração a ‘Concretização dos Direitos Sociais, Difusos e Coletivos’ busca concretizar na comunidade lorenense e junto à comunidade estudantil e educativa ações concretas de responsabilidade social e de compromisso com a formação humana das crianças, adolescentes e jovens, destinando uma parcela de contribuição através de cartilhas sobre direitos humanos de cunho informativo, educativo e formativo”, explica a professora.

A coordenadora do mestrado acredita que ações de integração favorecem todos os atores envolvidos no processo. “As crianças, adolescentes e jovens devem ter o privilégio de serem educados em e para os direitos humanos, sendo de suma importância a contribuição de Programa de Mestrado que desenvolve ensinamentos e pesquisas no campo dos Direitos Humanos, revelando que a pesquisa pode transcender os espaços das instituições e produzir bons frutos na formação humana infanto-juvenil”, conclui.

14022018 materia cartilha dh Foto 3
As cartilhas possuem conteúdo objetivo, didático, ilustrativo, além do aspecto lúdico, com desenhos e ilustrações criados pelos estudantes (Foto: Unisal)

As cartilhas já integram o processo de aprendizados nas escolas municipais e estuduais da cidade de Lorena.

Acesse as cartilhas preparadas pelo Programa:
*Cartilha Direitos Humanos e Bullying
*Cartilha Direitos Humanos e Juventude
*Cartilha Direitos Humanos das Pessoas com Deficiências
*Cartilha Direitos Humanos dos Idosos
*Cartilha Direitos Humanos das Crianças e Adolescentes

(Pedro Arcanjo - Brasília - CCS/CAPES)

A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura “CCS/CAPES”

Fim do conteúdo da página