Plataforma Sucupira

Publicado: Quarta, 11 Setembro 2019 17:23 , Última Atualização: Quinta, 19 Setembro 2019 12:22

1- Quem da instituição de ensino superior pode enviar o Coleta CAPES ou fazer outras ações de natureza administrativa na Plataforma Sucupira?

A Plataforma Sucupira está acessível aos pró-reitores de pós-graduação de todas as IES associadas e coordenadores da IES principal e IES associadas.

A Pró-reitoria de pós-graduação de cada IES associada poderá cadastrar a coordenação local na Plataforma Sucupira.

Entretanto, é de responsabilidade do(a) coordenador(a) da IES principal:
• enviar o Coleta CAPES;
• definir carga horária e créditos em disciplinas;
• cadastrar disciplinas e linhas de pesquisa;
• alterar a Instituição de Ensino da Rede de um docente ou discente, caso seja necessário;
• fazer solicitações de mudanças substanciais no Programa.

Apenas o(a) Coordenador(a) da IES principal visualiza todos os discentes e docentes da Rede. O(A) coordenador(a) da(s) IES(s) associada(s) só podem visualizar e alterar as informações dos discentes e docentes vinculados à sua IES, com exceção de mudar a Instituição de Ensino da Rede.

O(A) coordenador(a) da(s) IES(s) associada(s) pode(m) corrigir as pendências para o Envio do Coleta relativas à sua IES.

 

2- Onde é possível acessar as informações acerca da avaliação do Sistema Nacional de Pós-Graduação? E como funciona a Plataforma Sucupira?
O acesso às informações relativas à avaliação do Sistema Nacional de Pós-Graduação é feito pelo endereço eletrônico: http://sucupira.capes.gov.br.

A tela inicial da Plataforma Sucupira viabiliza o acesso público a informações gerais relacionadas aos Programas, calendário, manuais e opções de contato. Nessa tela pública, à medida que os programas de pós-graduação (PPGs) inserem suas informações no Coleta, elas podem ser visualizadas por toda a comunidade externa. Também são apresentadas as informações sobre propostas de cursos novos, projetos de minter, dinter e turma fora de sede, qualis, cursos recomendados e reconhecidos e avaliação periódica de programas.

Para realizar o acesso restrito, os Pró-reitores, Coordenadores de programas, Coordenadores de área e gestores DAV/CAPES, devem clicar em “Acesse a Plataforma” no campo superior direito da página.

Somente terão acesso por meio de senha personalizável à Plataforma Sucupira (acesso restrito) os pró-reitores, coordenadores de programas, coordenadores de área e gestores DAV/CAPES.

Atenção! O acesso restrito à Plataforma Sucupira deve ser feito pelos navegadores Mozilla, Chrome ou Safari."

 

3- Como proceder quando ao cadastrar um aluno do Programa na Plataforma Sucupira, aparecer que ele já está cadastrado como participante externo?
Nesse caso, deverá ser inserida a data fim da participação do aluno como participação externo e depois cadastrá-lo no menu Discentes como matriculado.

 

4- O que faço quando ao cadastrar um coautor como participante externo, e não ter como informar todos os dados que são solicitados no formulário?
Para o caso de produções importadas do Lattes, foi implementada uma associação simples de coautores de produções bibliográficas. Dessa forma, se o nome do pesquisador não for encontrado na base de dados do programa ou de outros programas de pós-graduação, será possível associar o nome desse pesquisador à produção. É importante ressaltar que essa ação não permitirá que essa pessoa seja associada ao programa, o que impede o reaproveitamento do seu cadastro em outras atividades do programa, sendo que ela contará apenas como um quantitativo de coautoria para a publicação.

 

5- O que fazer quando o nome aparecer de forma incorreta ao digitar um CPF?
Ao digitar o CPF, o Sistema valida as informações (nome, data de nascimento, sexo e país do documento) a partir dos dados da Receita Federal. Caso o nome esteja correto na Receita e errado na Plataforma, solicitamos que encaminhe Print Screen das telas, por meio do Fale Conosco (Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.), mostrando o nome correto e no sistema o que está equivocado, para abrirmos a solicitação de correção junto ao setor técnico responsável.

 

6- Como acessar o aplicativo Sucupira – Pró Reitor?
Está disponível para download de forma gratuita na Apple Store (IOS) e Google Play (Android) o aplicativo Sucupira – Pró Reitor, voltado para atender os pró-reitores das instituições de ensino superior (IES) do Brasil, permitindo que tenham acesso a dados institucionais preenchidos pelos coordenadores de PPGs de suas IES. É uma aplicação de acompanhamento do preenchimento das informações do Sistema Nacional de Pós-graduação (SNPG), que permite acesso a dados de discentes, docentes, produções intelectuais, entre outras informações utilizadas na avaliação dos cursos de pós-graduação das IES as quais os pró-reitores são responsáveis.

Pelo aplicativo, também podem ser realizadas buscas rápidas por PPGs, obtidas informações estatísticas, verificadas pendências de desativação de curso ou programa, mudança de área básica ou de nome de curso, propostas de cursos novos, início de funcionamento de cursos ou mudança da data de início de cursos.

 

7- O que fazer quando o cadastramento de um discente no programa ocorrer de modo errado?
O discente que for inserido de forma incorreta no programa poderá ser excluído por meio do botão “Remover”.

 

 

8- No cadastramento de discente, o que representa a aba Vínculo?
A aba Vínculo objetiva coletar a informação de se há algum tipo de vínculo empregatício do discente e a qual tipo de instituição e verificar qual a expectativa de atuação profissional dos egressos dos cursos de pós-graduação. São coletadas informações sobre o vínculo atual e a intenção de atividade futura do autor do trabalho de conclusão. Essas informações não são obrigatórias, porém, são relevantes para avaliação e planejamento do sistema de pós-graduação, e para inferir a expectativa e disponibilidade dos pós-graduados face ao mercado de trabalho. O cadastramento do vínculo empregatício deve ser feito no módulo de Trabalhos de conclusão na 6ª aba (Vínculo).

Como é feito o cadastro de orientador e coorientador para o trabalho de conclusão? Orientadores devem ser cadastrados no Menu “Discentes”, podendo ser marcado o principal e os demais são considerados coorientadores. No menu “Trabalho de Conclusão”, aba “Banca Examinadora”, é possível apenas alterar o nome do orientador principal do discente ou o período de orientação. Basta redigir o nome desejado e avançar até a sétima aba, salvando as alterações ao final do processo.

 

9- Qual o procedimento para cadastro de novo coordenador?
O(A) pró-reitor(a) de pós-graduação ou pessoa em cargo equivalente na instituição, deve realizar o cadastro do coordenador de programa no menu “Cadastros -> Coordenador de programa -> Cadastrar”. Logo após o cadastro realizado, será encaminhada uma notificação para o coordenador, no e-mail cadastrado no menu “Docentes”, informando-o que o perfil de coordenador de programa foi gerado.

 

10- Como é feito o cadastro de pró-reitor ou de pessoa em cargo equivalente?
Para solicitar cadastro ou alteração de pró-reitor, a pró-reitoria da IES deverá encaminhar um e-mail para Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. com os seguintes dados: nome da IES, CPF do pró-reitor, e-mail e portaria de nomeação.

 

11- Como se dá o cancelamento de bolsa integrada com o SAC?
Se o discente é bolsista da CAPES, a alteração da situação matriculado para uma situação de saída do curso (mudança de nível sem defesa, desligado, abandonou ou titulação) acarreta no cancelamento da bolsa no SAC.

 

12- Como anexar o arquivo do Trabalho de Conclusão com tamanho superior a 250 Mb do discente?
Caso o arquivo exceda o tamanho de 250 Mb, deverá ser anexado um documento provisório, indicando que o trabalho será enviado por correio, em mídia digital, para o endereço: (http://www.capes.gov.br/tutorial-sucupira/ProducoesAcademicas_TrabalhoConclusao.html).

 

13- Como cadastrar um discente?
Para realizar o cadastramento do discente, o Coordenador (a) de Programa deve acessar a Plataforma Sucupira e seguir os seguintes passos: selecionar no menu “Pessoas” a opção "Discentes" e clicar em "Cadastrar Discentes". Ao informar o CPF do discente, o sistema faz a validação junto à Receita Federal e traz os dados de nome, gênero, país de nascimento e data de nascimento. O (a) usuário (a) deve preencher o restante dos dados e ao final do preenchimento acionar a opção "Salvar". As informações dos discentes deverão ser atualizadas de acordo com a situação em que se encontrar o discente.

 

14- Como fazer o desligamento de um discente do PPG?
Para o desligamento de um discente, há três opções: selecionar a opção “Abandonou” = aluno da pós-graduação que abandonou o programa, por iniciativa própria; “Desligado” = aluno da pós-graduação que foi formalmente desligado do programa; ou remover o discente pelo botão, quando for cadastrado erroneamente no programa.

 

15- Como realizar a alteração da área de concentração de um projeto (somente de alguns cursos) cadastrada erroneamente na Plataforma Sucupira?
Ao alterar a linha de pesquisa de um projeto, a área de concentração se altera automaticamente.

 

16- Como realizar a alteração da bibliografia ao cadastrar uma disciplina?
No menu “Disciplinas” é possível alterar a ementa e a bibliografia da disciplina do curso de Mestrado e/ou Doutorado. Deverá clicar no botão alterar e realizar a modificação.

 

17- Como realizar a alteração de nível quando discente de mestrado está cadastrado como aluno de doutorado?
Caso o discente seja aluno do mestrado e tenha sido cadastrado equivocadamente no doutorado, o programa deverá encaminhar um e-mail para (Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.) informando o equívoco. O e-mail deverá ainda ter um anexo onde conste a solicitação para que seja realizada a alteração do nível do discente com a anuência do coordenador do programa.

 

18- Como realizar o cadastro do financiador?
Para realizar o cadastro do financiador, acesse: http://www.capes.gov.br/tutorial-sucupira/Programa_Financiadores.html 

 

19- Como titular um discente?
A situação “titulado” poderá ser selecionada no Menu “Produções Acadêmicas” --> “Trabalho de Conclusão”, quando será atribuída uma nova situação do discente. Nesse caso, será necessário cadastrar todos os dados do trabalho de conclusão.

 

20- Como registrar a data de início do funcionamento do PPG ou Curso?
Se o programa ou o curso estiver com a situação EM PROJETO, o coordenador do PPG ou o pró-reitor deverá solicitar o registro de início de funcionamento a partir do menu SOLICITAÇÕES.

A data de início do funcionamento do PPG ou Curso corresponde à data de início da oferta de disciplinas para atendimento dos alunos nele matriculados, e deverá ser informada na Plataforma Sucupira no prazo de até 30 dias após seu início.

 

21- Qual a orientação para quando surgirem dificuldades no preenchimento da Plataforma Sucupira – Coleta CAPES (Manual)?
Ao preencher a coleta de dados utilizar o tutorial (treinamento coleta) http://www.capes.gov.br/tutorial-sucupira/PaginaInicial.html 

Além disso, o manual de Preenchimento da Plataforma Sucupira apresenta conceitos e definições consolidados no Sistema Nacional de Pós-Graduação – SNPG com relação às características da informação que é prestada no Coleta de Dados, além de procedimentos técnicos de preenchimento.

Acesse por gentileza o Manual de preenchimento disponível na Plataforma Sucupira (https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/), selecionando a opção Coleta de Dados > Manual Coleta.

Em caso de dúvidas, solicitamos que o Coordenador do Programa de Pós-Graduação entre em contato com equipe de atendimento, por meio do telefone 0800 61 61 61, opção 7.

 

22- Estou tentando cadastrar trabalho de conclusão (registrar titulação) de um discente, e não consigo, pois o sistema não busca o nome. Como resolver?
O cadastro do discente deve ser feito previamente no menu "Discentes".

 

23- Como cadastrar uma bolsa para o discente (CAPES, CNPq, ou outras declaratórias)?
Os discentes com bolsa da CAPES serão identificados automaticamente e de forma integrada com o SAC. Bolsistas de outros órgãos/entidades poderão ser identificados por meio do ícone " Associar Bolsa" a ser informado pelo coordenador do PPG no menu "Discentes".

 

24- É possível marcar uma turma para dois cursos simultaneamente?
Sim, permite-se selecionar a mesma turma a dois cursos simultaneamente, desde que a carga horária seja igual.

 

25- Qual o procedimento para importar o currículo Lattes?
Para o cadastro de docentes com a base de dados do CNPq, favor acessar: http://www.capes.gov.br/tutorial-sucupira/ImportacaoLattes_Apresentacao.html

 

26- Como incluir programas de fomento externo a um financiador já vinculado ao PPG?
Caso não encontre o programa de fomento externo desejado na lista apresentada, ou não haja nenhum programa cadastrado, clique em “Solicitar Inclusão”. Aparecerá uma tela de cadastramento da solicitação.

 

27- O que fazer quando aparecer a mensagem de alerta ao tentar atualizar situação de discente que seja bolsista, e o SAC estiver fechado?
A mensagem de alerta ocorre quando não é possível alterar a situação do discente bolsista para titulado, trancado ou desligado quando o SAC estiver fechado. A alteração só poderá ser realizada no período em que o aplicativo SAC estiver aberto. Quando o SAC estiver fechado e o usuário abrir o registro do discente bolsista, o sistema apresentará a seguinte mensagem de alerta na Plataforma Sucupira “Não é possível fazer a alteração pois o SAC encontra-se fechado”.

 

28- O que é o módulo Coleta de Dados?
A partir do momento que um curso de pós-graduação é recomendado pela CAPES e reconhecido pelo Conselho Nacional de Educação/Ministério da Educação, ele passa a fazer parte do Sistema Nacional de Pós-Graduação (SNPG). Com isso, passa a ter a obrigatoriedade de prestação de informações à CAPES, a respeito de toda a sua atividade acadêmica e de pesquisa. Devem ser reportados dados de infraestrutura física, formação e atividades de docentes, matrícula e titulação de alunos, disciplinas oferecidas, projetos de pesquisa desenvolvidos, produção bibliográfica em termos de artigos científicos, livros, dissertações e teses defendidas, produção técnica e tecnológica, etc. Para o recebimento dessas informações, há um sistema denominado "Coleta de Dados", que foi reformulado para fazer parte da Plataforma Sucupira.

O módulo Coleta da Plataforma Sucupira reproduz basicamente os mesmos campos de informação que eram usualmente solicitados no aplicativo anterior "Coleta de Dados". A fundamental e essencial mudança será que a inserção de informações pelos programas de pós-graduação (PPGs) passa a ser contínua e online, ou seja, os dados poderão ser alimentados na Plataforma a qualquer momento, assim que alguma situação é concretizada (por ex. a matrícula ou titulação de um aluno, o cadastramento de uma produção intelectual, o ingresso de um docente).

O preenchimento do módulo Coleta de Dados na Plataforma Sucupira será feito pelo coordenador do programa de pós-graduação, por meio de senha personalizável.

Acesse o Portal Coleta na Plataforma Sucupira: https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/

Para mais informações, acesse: http://www.capes.gov.br/avaliacao/plataforma-sucupira/modulo-coleta-de-dados.

 

29- Como alterar a situação de um programa ou curso de “em projeto” para “em funcionamento”?
Caso o programa ou curso esteja com a situação “em projeto”, a pró-reitoria ou a coordenação do PPG deverá solicitar o início de funcionamento do programa no menu “Solicitações -> Registro de Início de Funcionamento -> Solicitar”.

Quando apenas um dos níveis estiver na situação “em projeto”, estarão desabilitadas as opções de:
• cadastrar informações básicas para o Curso em projeto (aba 3 do Menu Dados Cadastrais);
• cadastrar discentes no nível do Curso em projeto;
• cadastrar disciplinas nesse nível.

 

30- O que significa mudança de nível com ou sem defesa?
As situações “mudança de nível com defesa” ou “mudança de nível sem defesa” cancelam automaticamente a bolsa de mestrado. Essas situações indicam que o aluno passou do nível de mestrado para o de doutorado. Caso o aluno tenha direito a receber uma bolsa de doutorado, ele estará habilitado no SAC, mas a bolsa deve ser concedida no SAC.

 

31- Na falta do arquivo da dissertação ou da tese, pode-se anexar a ata de defesa e, após as devidas correções da dissertação ou tese pelo aluno, substituir o arquivo?
O trabalho de conclusão só deve ser cadastrado com a dissertação ou tese completa em anexo. A ata da defesa não é considerada.

 

32- Como cadastrar um discente de pós-graduação quando há um registro ativo do mesmo discente na graduação?
Inicialmente é necessário desligar o discente da graduação, e depois cadastrá-lo como matriculado na pós-graduação. Ver passo a passo:
1 – Tela inicial – clicar no módulo discentes;
2 – Selecionar Nível “Graduação” e clicar em “Consultar”;
3 – Serão listados todos os discentes de Graduação ativos (matriculados). Clicar em “alterar” para mudar a situação;
4 – Alterar a situação para “Desligado” e clicar em “Alterar”.

 

33- Como proceder quando o campo "Não encontrou a Instituição de Ensino - Clique aqui para solicitar" não funciona, ao atrelar a titulação de um docente ou para vincular a um participante externo?
Encaminhe as informações da IES: nome, sigla, endereço, cidade, país, e-mail, telefone, fax, endereço eletrônico/website para o e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. 

 

34- O que fazer quando não localizar o ISSN ou o título quando for cadastrar uma produção bibliográfica?
No campo poderão ser digitados tanto o número ISSN quanto o título do periódico, e o sistema buscará automaticamente o cadastro correspondente na base de dados e não haverá possibilidade de alteração deste número de ISSN ou grafia do mesmo. Caso a busca não retorne nenhum resultado, significa que esse registro ainda não foi feito. Para cadastrar um periódico, é necessário fazer uma solicitação que será encaminhada a DAV para validação da informação (Menu solicitações --> cadastramento de veículos). Somente após essa validação, é que o periódico estará disponível para seleção.

 

35- Como proceder quando informações cadastradas em Coletas anteriores não forem localizadas, assim como dados de discentes?
Para cada PPG, foi feita a migração de dados que constavam no Coleta de Dados referente a 2012 para a Plataforma Sucupira, além dos dados de discentes que foram matriculados ou titulados no Cadastro de Discentes, referentes a 2013 e 2014. Porém, por razões de compatibilidade técnica, foram detectados alguns casos impeditivos de importação ou necessidades de ajustes. Assim, é fundamental que o coordenador faça uma checagem cuidadosa dos dados relacionados ao seu PPG na Plataforma.

 

36- O que deve fazer o coordenador quando não estiver recebendo e-mails das listas de distribuição utilizadas pela CAPES?
Os coordenadores dos programas deverão acessar a Plataforma Sucupira e corrigir ou inserir os e-mails corretos no campo “E-mail Institucional do Programa”, no menu “Dados Cadastrais”, na segunda aba “Endereço do Programa”, clicando no botão para alterar . A comunicação é feita utilizando o e-mail do programa, já que as comunicações são institucionais e não pessoais.

 

37- O que fazer quando ao cadastrar discente surgir a mensagem: “O discente não possui orientador vigente cadastrado”?
O orientador deve ser cadastrado no menu Discentes – Dados da Orientação, com período coerente com a data da matrícula e titulação.

 

38- Como definir o nome da Turma?
O nome da Turma é definido pela IES.

 

39- Como cadastrar discentes que estão com o curso trancado?
Na Plataforma Sucupira, não há a situação "trancado". Caso haja necessidade de suspensão de bolsa de um discente com essa situação, fazer a solicitação junto a Diretoria de Programas e Bolsas da CAPES.

 

40- Quais são os principais ícones da Plataforma Sucupira?
As principais funcionalidades da Plataforma Sucupira são construídas de forma a trazer um padrão de ações a serem executadas pelo usuário, como descritas a seguir:
- Consulta
As telas de consulta dispõem de opções de campos de busca, que variam de acordo com o Menu navegado.
- Inserção
Telas de cadastramento da informação
- Visualização
Conferencia das informações preenchidas, na própria tela ou por meio de relatórios.
- Alteração
Possibilidade de alterar uma informação já preenchida.
- Exclusão
Possibilidade de excluir uma informação já preenchida. Recomenda-se a exclusão apenas de informações erradas.
- Atualizar vínculo
Possibilidade de desvincular ou vincular uma pessoa no PPG, sem a necessidade de excluir a informação.
- Gerenciar referências
Possibilidade de verificar, por ano, quais são os vínculos dos docentes, participantes externos e discentes (produção, projetos de pesquisa, trabalho de conclusão, orientações, turmas).
- Ajuda
Posicionando o cursor em cima do ícone ajuda aparecerão orientações sobre o item selecionado.
- Atualizar informação/pendências
Possibilidade de alterar o ano de uma consulta, ou uma lista de pendências na verificação de erros.

 

41- É possível cadastrar outras pessoas além do coordenador do programa para ter acesso e preencher o Coleta?
Não há possibilidade de acesso para outras pessoas além do coordenador do PPG ou do pró-reitor da IES para preenchimento do Coleta.

 

42- O que fazer quando o cadastro da instituição não for localizado?
Durante o cadastro de docentes e participantes externos, caso a IES de titulação do docente/participante externo ou a IES de origem do participante externo não seja encontrada, o cadastro da IES deverá ser solicitado via e-mail.
No caso de IES nacional, a solicitação deverá ser encaminhada para o e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. , com as seguintes informações: nome da IES, sigla, status jurídico, CPF e e-mail do dirigente, CPF e e-mail do pró-Reitor, endereço, bairro, cidade, estado, CEP, e-mail, telefone, fax, website.

Já no caso de IES estrangeira, a solicitação deverá ser enviada para o e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo., com as seguintes informações: nome, sigla, endereço, cidade, país, e-mail, telefone, fax, endereço eletrônico/website.


43- Como funcionou o carregamento de informações de pessoas do Coleta 2012 na Plataforma Sucupira?
As pessoas que foram cadastradas no Coleta 2012 (discentes e participantes externos) com o documento “Outro” ou com passaporte brasileiro não foram carregadas, para evitar que informações erradas fossem alimentadas na Plataforma Sucupira. Dessa maneira, para esses casos, essas pessoas deverão ser novamente cadastradas, inserindo-se o CPF ou o passaporte estrangeiro.

Os alunos que tenham sido titulados ou que abandonaram o curso em 2012 não foram carregados para o Sucupira como participantes externos. Caso estes alunos tenham participação em produções (projetos de pesquisa, por exemplo), essas pessoas deverão ser novamente cadastradas no Menu Participante Externo.

Os alunos que tenham mudado de nível com ou sem defesa (ou apresentação pública da dissertação) em 2012 foram carregados como matriculados no doutorado para o Módulo Coleta da Plataforma Sucupira.

 

44- Onde constam os dados básicos de um programa?
Diferentemente do Coleta, na Plataforma Sucupira os dados básicos de um programa, endereço e áreas de concentração estão no menu “Dados Cadastrais”. Os dados do financiador estão em menu específico, denominado “Financiadores”.

 

45- Como realizar a inserção de teses e dissertações?
Como o Cadastro de Discentes foi desativado, a inserção do arquivo com o texto completo de teses e dissertações será feita na Plataforma Sucupira.

 

46- Como cadastrar os alunos das turmas do Minter ou Dinter?
Os discentes matriculados em programas Minter ou Dinter são considerados alunos regularmente matriculados no programa de pós-graduação. Sendo assim, eles devem ser registrados no cadastro de discentes. Ver mais em: http://www.capes.gov.br/tutorial-sucupira/Pessoas_Discentes.html

 

47- É preciso colocar o nome do programa em inglês?
Este campo é de preenchimento obrigatório no menu “Dados Cadastrais”.

 

48- Como cadastrar participantes de produções intelectuais?
Há a opção de cadastro somente do responsável pela produção para aquelas denominadas de “Grande Colaboração”.

 

49- Como acessar perfis diferenciados de acesso e de utilização?
No módulo Coleta, o pró-reitor e o coordenador do PPG têm funcionalidades diferenciadas, bem como senhas específicas. Por meio da plataforma é possível realizar algumas solicitações à CAPES sem a necessidade de envio de ofício (registro de início de funcionamento de curso, mudança de área básica, mudança de data de início de curso).

 

50- Quais relatórios são consolidados?
Há um relatório específico para os participantes externos e outro para discentes bolsistas. Em todos os relatórios, será possível selecionar o ano de referência para a consolidação das informações. Os relatórios poderão ser disponibilizados em pdf, html ou xls.

 

51- Quem será o "responsável por projeto de pesquisa"?
Um docente do programa ou um participante externo poderá ser responsável pelo projeto de pesquisa. A natureza do projeto, anteriormente denominada como “em desenvolvimento” foi substituída por “inovação”. Foi incluída também a natureza “projeto interinstitucional”.

 

52- Como é calculado o tempo de titulação de discente com mudança de nível sem defesa?
O Sistema contará o tempo de titulação do aluno que mudou de nível sem defesa a partir da matrícula no mestrado, e não a partir da matrícula no doutorado.

 

53- De que maneira se dá a validação de CPF, CNPJ ou CEP?
O módulo Coleta fará a busca automática do CPF, CNPJ e CEP, na base da Receita Federal e dos Correios, nos campos de preenchimento onde essas informações forem necessárias (cadastro de pessoas, financiadores e dados cadastrais). Com isso, se evitará que docentes, discentes, participantes externos, e financiadores sejam cadastrados com dados equivocados.

 

54- Qual a data para o preenchimento de dados no Coleta?
Os dados podem ser preenchidos continuamente pelo coordenador à medida em que estiverem disponíveis no PPG.

Apesar da possibilidade de inserção contínua de dados dos PPGs, haverá um período ao longo do ano ou semestre em que será solicitado ao coordenador do PPG e pró-peitor, a conferência e consolidação das informações inseridas na plataforma até determinado momento.

 

55- Qual o procedimento para solicitar bolsa a um discente cujo registro não aparece no SAC?
Um aluno só estará habilitado a receber bolsa no SAC se estiver com a condição de matriculado na Plataforma Sucupira. A concessão da bolsa deve ser feita diretamente no SAC.

 

56- Quais as situações de discentes em um programa de pós-graduação (PPG) que aparecem no menu “Discentes”?
• Abandonou: aluno da pós-graduação que abandonou o programa, por iniciativa própria;
• Desligado: aluno da pós-graduação que foi formalmente desligado do programa;
• Matriculado: aluno da pós-graduação formalmente matriculado em um dos cursos do programa;
• Mudança de nível sem defesa: aluno que mudou de nível mestrado para doutorado automaticamente, sem apresentar trabalho de conclusão. Portanto, o trabalho de conclusão referente a este aluno não deverá ser cadastrado, assim como o orientador do mestrado não será informado. Deverá ser informado o orientador do discente no Doutorado.

 

57- Quais as opções que aparecem no menu “Trabalhos de Conclusão”?
• Mudança de nível com defesa de dissertação (ou apresentação pública do trabalho de mestrado): aluno que defendeu trabalho de conclusão de mestrado e ingressou imediatamente no doutorado no mesmo PPG. Se houver financiador, deverá ser referente ao status atual do discente no ano base. Obs.: deverá ser cadastrado o trabalho de conclusão respectivo;
• Titulado: aluno do programa de pós-graduação que defendeu trabalho de conclusão em um ano de referência. Obs.: deverá ser cadastrado o trabalho de conclusão respectivo.
O que fazer quando há substituição de Coordenador?
No caso de mudança de coordenador(a), o(a) pró-reitor(a) deverá clicar na opção “Listar/Alterar” e encerrar o período de vigência do(a) coordenador(a) antigo(a) antes de cadastrar o(a) novo(a) coordenador(a).
Na tela de consulta, é necessário selecionar o nome do programa e clicar no botão “Consultar” para visualizar o (s) coordenador (es) cadastrado (s). Para informar o fim da vigência de um(a) coordenador(a), é necessário clicar no botão “Alterar”.

 

58- Como cadastrar um discente ou docente que já possui um vínculo como participante externo?
É necessário desvincular o docente ou discente como participante externo ao inserir a data do Fim do Vínculo.
1º O usuário deve acessar, no Portal Coleta, o ícone “Participantes Externos”;
2º Em seguida, consultar o nome do Participante Externo e clicar no ícone “Desvincular”;
3º Neste campo o usuário deve inserir a data em que ocorreu o Fim do Vínculo do discente/docente como Participante Externo;
4º Após este procedimento é possível realizar o novo cadastro tanto no módulo discente quanto no módulo docente.

 

59- Como fazer para inserir um e-mail do programa ou do coordenador em situações que dão erro?
Apenas e-mails institucionais são aceitos no cadastro do programa ou do coordenador. Não serão aceitos outros endereços como contas no gmail, yahoo, uol, etc.

 

60- Como fazer a transferência para o doutorado antes de titular no mestrado?
Para inserir o discente no doutorado antes da titulação é necessário selecionar a situação “mudança de nível sem defesa” no menu “Discentes”.

Compartilhe o que você leu