Notícias Entrevista: presidente explica papel e ações da CAPES
TV Brasil

Entrevista: presidente explica papel e ações da CAPES

Publicado: Quarta, 09 Outubro 2019 09:07 , Última Atualização: Quarta, 09 Outubro 2019 09:14

09102019 entrevista

Em entrevista ao Programa Brasil em Pauta da TV Brasil, nesta terça-feira, 08, Anderson Correia, presidente da CAPES, falou sobre o papel da Coordenação na pós-graduação brasileira e apresentou dados sobre a maior agência de fomentos do País.

Responsável por supervisionar, avaliar, fomentar e induzir a pós-graduação brasileira, a CAPES trabalha com mais de 4 mil programas de pós-graduação, em níveis de mestrado e doutorado, e financia mais de 6 mil bolsistas no exterior, com cerca de 70 convênios internacionais. Além disso, a instituição atua na formação de professores da educação básica e conduz programas com uso da educação a distância.

Anderson Correia explicou que “o maior desafio da CAPES nos próximos dez anos é elevar o impacto científico e a colaboração com a indústria”, ele enfatiza que “todos os setores podem trabalhar com resultados diretos à sociedade, em todas as áreas do conhecimento”.

Durante a entrevista, o presidente falou, ainda, sobre as metas do Plano Nacional de Educação, explicou o que é o doutorado profissional, além de conversar sobre orçamento e o descontingenciamento de recursos orçamentários.

O presidente explicou as ações do Ciência é 10, Programa recém lançado, ressaltando que a intenção é dar uma formação aos professores que já atuam em sala de aula. “Os resultados que serão alcançados por esses trabalhos de melhoria da pós-graduação, valorização do professor e incentivo às crianças vão dar resultados de curto, médio e longo prazo”, avaliou.

Brasil em Pauta
O programa leva um representante do governo federal para tratar de temas ligados direta ou indiretamente à vida do cidadão, com objetivo de ampliar o acesso da população a informações sobre projetos e ações do governo.

Assista à íntegra da entrevista:

 

 

(Brasília – Redação CCS/CAPES)
A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura CCS/CAPES

Compartilhe o que você leu