Notícias Programa Pró-Defesa passa a admitir instituições militares
Defesa Nacional

Programa Pró-Defesa passa a admitir instituições militares

Publicado: Terça, 24 Julho 2018 18:39 , Última Atualização: Segunda, 30 Julho 2018 16:14

O Programa de Apoio ao Ensino e à Pesquisa Científica e Tecnológica em Defesa Nacional (Pró-Defesa) passa a admitir a participação de instituições militares de ensino e pesquisa em nível de pós-graduação que não possuam Programa de Pós-Graduação (PPG) stricto sensu, desde que em associação com instituições de ensino superior (IES).

A publicação, feita no Diário Oficial da União (DOU) desta terça-feira, 24, altera os termos no Edital nº 27/2018. O novo texto incluiu as instituições militares de ensino e pesquisa, organizações militares (OM), cuja missão esteja associada aos projetos de pesquisa propostos, centros de estudos estratégicos e instituições de ciência e tecnologia (ICTs), que, de forma articulada, desenvolvam programas de pesquisa relacionados à defesa nacional.

O documento define ainda que as equipes participantes do projeto deverão ser constituídas por pesquisadores/professores e estudantes vinculados às IES ou a outras intuições de ensino e/ou pesquisa em nível de pós-graduação stricto sensu.

Pró-Defesa
O Programa constitui ação do governo brasileiro destinada a fomentar a cooperação entre instituições civis e militares para implementação de projetos voltados ao ensino, à produção de pesquisas científicas e tecnológicas e à formação de recursos humanos qualificados na área de Defesa Nacional.

(Brasília – Redação CCS/CAPES)
A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura 'CCS/CAPES

Compartilhe o que você leu