Notícias Diretor da CAPES participa de encontros na Espanha para promover cooperação internacional
Formação de Professores

Diretor da CAPES participa de encontros na Espanha para promover cooperação internacional

Publicado: Quarta, 19 Julho 2017 11:17 , Última Atualização: Quarta, 19 Julho 2017 11:17

O diretor de Educação a Distância da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), Carlos Lenuzza esteve na última semana em missão oficial nas cidades de Madrid e Barcelona para uma série de encontros com vistas ao estabelecimento de cooperação internacional entre Brasil e Espanha no âmbito da formação de professores da Educação Básica na modalidade a distância.

19072017 Pastora Martinez UOC

A partir da experiência brasileira acumulada com o sistema Universidade Aberta do Brasil (UAB), Lenuzza se reuniu com especialistas europeus em cooperação internacional e em formação de professores. No Ministerio de Educación, Cultura y Deporte, o diretor da CAPES esteve com David Ferrán Priestley, Subdirector General de Cooperación Internacional e Promoción Exterior Educativa. O diretor também teve oportunidade de conhecer Servicio Español para la Internacionalización de la Educación (SEPIE), em reunião com os diretores da instituição, Pablo Marín González e Afonso Álvares Osório.

19072017 David Priestley

A Embaixada do Brasil na Espanha também esteve no roteiro da missão. O diretor da CAPES esteve com o embaixador Antônio Simões, assim como com a chefe do Setor de Cooperação Educacional, Mayara Nascimento dos Santos e com a responsável pelo Programa Ciência Sem Fronteiras na Espanha, Cristiane Pereira de Lima. Com o encontro, Lenuzza foi convidado para participar do evento de apresentação das universidades brasileiras promovido pela Embaixada brasileira em setembro. Está prevista a participação de 40 instituições do Brasil. Acompanhado pelos representantes da Embaixada visitou a Casa do Brasil na Espanha, onde foi recebido pelo Diretor Cassio Romano.

Ainda com relação aos encontros com personalidades que tratam do desenvolvimento da modalidade de Educação a Distância, Carlos Lenuzza se reuniu com a vice-reitora de Relações Internacionais da Universidad Nacional de Educación a Distancia (UNED), Esther Souto Galván e com a vice-reitora de Globalização e Cooperação da Universidade Aberta de Catalunha (UOC), Pastora Martínez Samper. Em Madrid, o diretor da CAPES esteve ainda com o diretor Instituto Nacional de Tecnologías Educativas y de Formación del Profesorado (INTEF), Félix Serrano Delgado e com a subdiretora geral de Formação dos Professores Universitários do Ministerio de Educación, Cultura y Deporte, Carmen Bermúdez Rojas-Marcos.

19072017 Cassio Romano Caso do Brasil

UAB
Criado em 2005, o sistema Universidade Aberta do Brasil (UAB) é um sistema integrado por universidades públicas que oferece cursos de nível superior para camadas da população que têm dificuldade de acesso à formação universitária, por meio do uso da metodologia da educação a distância. O público em geral é atendido, mas os professores que atuam na educação básica têm prioridade de formação, seguidos dos dirigentes, gestores e trabalhadores em educação básica dos estados, municípios e do Distrito Federal. Hoje, o Sistema é coordenado pela Diretoria de Educação a Distância (DED) da CAPES.

Além de coordenar o Sistema UAB, a DED/CAPES é responsável pela gestão do Programa de Mestrado Profissional para Qualificação de Professores da Educação Básica (PROEB). Atualmente, são ofertados mestrados profissionais em rede nacional no formato semipresencial voltados a professores da educação básica nas áreas de: Matemática (Profmat); Letras (Profletras); Ensino de Física – MNPEF (ProFis); Artes (ProfArtes); História (ProfHistória); Educação Física (ProEF); Química (ProfQui); Filosofia (Prof-Filo); e Biologia (ProfBio). Também são ofertados neste mesmo formato os cursos em Administração Pública (ProfiAP); em Gestão e Regulação de Recursos Hídricos (ProfÁgua); e em Ensino de Ciências Ambientais (ProfCiamb).

(CCS/Capes)

Compartilhe o que você leu