Notícias UAB seleciona propostas para oferta de 250 mil vagas
Educação a Distância

UAB seleciona propostas para oferta de 250 mil vagas

Publicado: Sexta, 19 Dezembro 2014 15:32 , Última Atualização: Segunda, 22 Dezembro 2014 14:46

A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) divulga nesta sexta-feira, 19, o convite às instituições públicas de ensino superior (Ipes) integrantes do Sistema Universidade Aberta do Brasil (UAB) para apresentação de propostas visando a oferta de vagas em cursos superiores na modalidade a distância voltados, prioritariamente, para a formação de profissionais da educação básica no país.

A previsão é de oferta é de 250 mil novas vagas, a serem preenchidas por alunos das proponentes no período de 1º de julho de 2015 a 30 de junho de 2016. A adesão de novas instituições pode ser feita até 9 de janeiro e a submissão de propostas de oferta de vagas acontecerá de 19 de janeiro a 13 de fevereiro.

O processo se encerra em outubro de 2015, quando serão divulgadas a lista de novos cursos aprovados no âmbito da UAB, a de polos novos ou reintegrados ao Sistema UAB e a lista final de ofertas aprovadas.

UAB
Criada em 2005, o sistema Universidade Aberta do Brasil (UAB) é um sistema integrado por universidades públicas que oferece cursos de nível superior para camadas da população que têm dificuldade de acesso à formação universitária, por meio do uso da metodologia da educação a distância. O público em geral é atendido, mas os professores que atuam na educação básica têm prioridade de formação, seguidos dos dirigentes, gestores e trabalhadores em educação básica dos estados, municípios e do Distrito Federal. Hoje, o Sistema é coordenado pela Diretoria de Educação a Distância (DED) da Capes.

Pelo sistema UAB são ofertados os seis mestrados no formato semipresencial do país: o Programa de Mestrado Profissional em Matemática em Rede Nacional (Profmat), criado em 2010; o Programa de Mestrado Profissional em Letras (Profletras) e o Programa de Mestrado Nacional Profissional em Ensino de Física – MNPEF (ProFis), lançados em 2013; e os Programas de Mestrado Profissional em Rede Nacional em Artes (ProfArtes), Administração Pública (ProfiAP) e Ensino de História (ProfHistória).

Compartilhe o que você leu