Notícias Último dia para inscrição no Prêmio Tiradentes
Defesa Nacional

Último dia para inscrição no Prêmio Tiradentes

Publicado: Sexta, 07 Agosto 2020 11:29 , Última Atualização: Terça, 11 Agosto 2020 09:53

Os autores das melhores teses e dissertações receberão de R$ 3 mil a R$ 9 mil. O objetivo é estimular e valorizar a produção acadêmica relacionada à Defesa Nacional.

14072020 foto dentro materia premio tiradentes

Os interessados em concorrer ao Prêmio Tiradentes têm até as 18 horas desta sexta-feira, 7, para fazer sua inscrição. A iniciativa é uma parceria entre a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) e o Ministério da Defesa. A premiação estimula e valoriza a produção acadêmica relacionada à Defesa Nacional. Além do reconhecimento financeiro, haverá apoio à participação dos vencedores em congressos acadêmico-científicos.

Os autores das três melhores dissertações de mestrado receberão R$7 mil, R$5 mil e R$3 mil, respectivamente. Já os vencedores das teses de doutorado receberão R$9 mil, R$7 mil e R$5 mil. Todos terão ainda R$3 mil para a participação em evento acadêmico-científico nacional. Trabalhos que ficarem em quarto lugar poderão receber menções honrosas. Os orientadores das produções vencedoras nas duas categorias receberão auxílio para a participação em evento acadêmico-científico internacional.

As inscrições das dissertações e teses, defendidas entre janeiro de 2018 e dezembro de 2019, deverão ser feitas, exclusivamente, pelo endereço eletrônico: https://pcd.capes.gov.br/inscricao.Para concorrer, os trabalhos precisam estar registrados na Plataforma Sucupira. Serão levados em consideração estudos que tenham relação com os objetivos da Política Nacional de Defesa, com as ações da Estratégia Nacional de Defesa ou, ainda, com o Livro Branco de Defesa Nacional, que trata dos projetos estratégicos das Forças Armadas.

O Prêmio Tiradentes pretende contribuir para a formulação de políticas públicas e incentivar a divulgação no país e no exterior dos resultados e produtos derivados da parceria entre a CAPES e o Ministério da Defesa, que realizam, em conjunto, os programas Pró-Defesa e Procad-Defesa.

(Brasília – Redação CCS/CAPES)
A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura CCS/CAPES

Compartilhe o que você leu