Notícias Estudo aponta substâncias com potencial contra o coronavírus
COVID-19

Estudo aponta substâncias com potencial contra o coronavírus

Publicado: Sexta, 17 Julho 2020 12:00 , Última Atualização: Terça, 28 Julho 2020 09:51

Pesquisa de bolsista da CAPES é o ponto de partida para testes em laboratório

17072020 foto dentro materia substancia contra covid

Três substâncias já aprovadas para uso contra outras doenças apresentam potencial de combate ao vírus SARS-COV-2, causador da COVID-19. Feita a partir de simulações em computador, a pesquisa teve apoio da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), e foi publicada na revista Journal of Biomolecular Structure and Dynamics.

O estudo derivou do mestrado de Gabriela Menezes em Ciências Aplicadas à Saúde, na Universidade Federal de Jataí (UFJ). Ela usou métodos in silico (computadorizados) para buscar fármacos que ataquem uma das substâncias mais importantes para a reprodução dos coronavírus, a proteína não estrutural 1 (nsp1). Ausente em seres humanos, esse elemento pode ser um alvo preferencial de novos medicamentos porque remédios contra ele podem ser bem específicos, provocando menos reações adversas no paciente.

17072020 foto dentro materia substancia contra covid 02

Gabriela e seu orientador Roosevelt Alves da Silva testaram como a proteína se comportaria se estivesse dissolvida. “Nosso maior desafio foi o tempo. Como nosso trabalho foi todo desenvolvido a partir de simulações computacionais, ficamos reféns do tempo de processamento das máquinas”, destaca a cientista. A equipe agora faz a triagem de 200 mil moléculas em um banco de dados de compostos naturais com potencial geração de patentes.

Desde o bacharelado em Biomedicina, Gabriela acumulou experiência em epidemias dos chamados flavivírus, como o da zica, febre amarela e dengue. “Sem dúvida, ser bolsista me permite focar de maneira integral na pesquisa, obtendo resultados promissores em um espaço de tempo menor”, reflete a biomédica. “Além disso, a bolsa de iniciação científica da CAPES foi crucial para meu desenvolvimento desde a graduação como pesquisadora. Sem ela não estaria alcançando resultados como hoje”, conclui.

Confira o artigo Identification of potential drugs against SARS-CoV-2 non-structural protein 1 (nsp1).

(Brasília – Redação CCS/CAPES)
A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura CCS/CAPES

Compartilhe o que você leu