Notícias Ciência é 10 mobiliza comunidade acadêmica
Ensino Básico

Ciência é 10 mobiliza comunidade acadêmica

Publicado: Quarta, 11 Dezembro 2019 17:12 , Última Atualização: Quarta, 25 Março 2020 17:11

A maior parte das instituições participantes do Programa Ciência é 10 (C10) já concluiu seus processos de seleção para professores, coordenadores, tutores e pós-graduandos, a primeira fase do programa. Agora é hora de mobilizar a comunidade acadêmica para formar as equipes pedagógicas.

A Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR) integra o Comitê Nacional do C10 e é a responsável pela formação de multiplicadores, que levarão a metodologia e o conteúdo às suas instituições de origem. A primeira turma, formada por 158 participantes entre professores, orientadores, tutores e coordenadores, está em processo de conclusão do curso EaD, em dezembro.

A coordenadora do Curso de Formação para a Equipe Pedagógica do C10 na UFSCAR, Marilde Santos, exaltou a iniciativa da CAPES na qualificação de professores da educação básica. “É um movimento maravilhoso em direção à ciência praticada nas escolas”. O objetivo é alinhar as ações de trabalho, desde o âmbito nacional até o regional e local.

O curso ocorre na modalidade de Educação a Distância (EaD), por meio do Sistema da Universidade Aberta do Brasil (UAB), e dura cerca de três semanas. Uma vez que há mais dois cursos previstos para janeiro e fevereiro, a expectativa é formar até mil integrantes dessas equipes pedagógicas em todo o Brasi.

Na ponta
O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia (IFBA) realizou na última sexta-feira, 6, no campus de Salvador, o 1° Encontro de Formação Ciência é 10. O evento reuniu os professores, orientadores e tutores que integram o grupo de trabalho do C10 no IFBA, para conhecerem o Programa e a metodologia a ser adotada durante o curso.

Trata-se do primeiro curso de especialização EaD do Instituto, que pode beneficiar mais de 50 municípios da região com a formação dos professores. “Essa oferta se tornou possível pelo incentivo da CAPES, por meio do Sistema UAB, responsável pelo fomento, articulação e acompanhamento das ações relativas ao C10 e também aos demais cursos que serão ofertados em 2020”, explicou Elisângela Oliveira, coordenadora Institucional da UAB no IFBA.

Foram destinadas ao IFBA 430 vagas de especialização para professores de ciências dos estados da Bahia e de Sergipe, distribuídas em 16 polos de apoio. Desse total, 300 vagas já estão abertas, sendo 70% destinadas a ampla concorrência e 30% para reservas. As vagas reservadas se dividem em 5% para pessoas com deficiência e 25% para Política de Ações Afirmativas.

Jancarlos Lapa, coordenador do programa C10 no IFBA, disse que foram selecionados 30 orientadores e 12 tutores. Entre eles, serão escolhidos os professores formadores. “Nesse curso de formação aconteceu o primeiro contato, onde foi passado o projeto pedagógico para todo mundo. Agora, haverá um segundo momento que é atividade EaD. Foi bem proveitoso. Todos ficaram engajados”, afirmou.

O Ciência é 10
O C10 é uma iniciativa da CAPES que integra o Programa Ciência na Escola, que oferece especialização lato sensu de Ciências para 3.920 professores da disciplina, do 6º ao 9º ano, que possuam outra formação. O programa conta com a participação de 19 instituições de ensino superior (IES), que ofertarão o curso na modalidade EaD, por meio do Sistema da UAB. As aulas começam em fevereiro de 2020. A expectativa é beneficiar até 400 mil crianças do ensino fundamental II com professores mais capacitados.

(Brasília – Redação CCS/CAPES)
A reprodução das notícias é autorizada desde que contenha a assinatura CCS/CAPES

Compartilhe o que você leu